Seguidores

PM ocupa favela de Itaboraí e troca pichações do tráfico por mensagem de Dia das Mães

Policiais do 35º BPM (Itaboraí) estão ocupando a comunidade Reta Velha, naquela cidade da Região Metropolitana do Rio. A ação foi decidida depois que os muros da região amanheceram com de pichações de ameaça a moradores e policiais, como represália pela morte do segundo nome da hierarquia do tráfico na área, Viny, encontrado morto depois de uma ação da PM na última quarta-feira.
PM troca pichações do tráfico por mensagem de dia das mães, em Itaboraí
PM troca pichações do tráfico por mensagem de dia das mães, em Itaboraí Foto: PMERJ / Divulgação
A força policial, no entanto, não ostenta apenas fuzis e armas, mas também pincéis. Estão cobrindo todas as pichações com tinta branca e, em alguns casos, até deixando mensagem de “Feliz Dia das Mães”. O batalhão policial pede que os moradores denunciem os esconderijos de traficantes e disponibilizou um telefone direto: 3639-5815.
PM troca pichações do tráfico por mensagem de dia das mães, em Itaboraí
PM troca pichações do tráfico por mensagem de dia das mães, em Itaboraí Foto: PMERJ / Divulgação
Na quarta-feira, uma ação policial de combate à venda de entorpecentes teve intensa troca de tiros. Um homem, identificado como Evandro Neves Viana Júnior, de 20 anos, foi ferido na perna. Horas mais tarde, os policiais voltaram ao local, onde havia um homem morto. Ele seria o Viny. O corpo foi encontrado pelos próprios traficantes, caído na beira de um rio. Os criminosos o arrastaram até um campo de fácil acesso e informaram à família, que chamou a Polícia Civil.
PM troca pichações do tráfico por mensagem de dia das mães, em Itaboraí
PM troca pichações do tráfico por mensagem de dia das mães, em Itaboraí Foto: PMERJ / Divulgação
A venda de drogas na Reta Velha é comandada pelo traficante Robson Luiz Monteiro Martins, que completa 40 anos no próximo dia 28. Ele está foragido do sistema penitenciário e é conhecido pelo apelido Canela de Vidro, que conseguiu por ter uma grande cicatriz numa das pernas, em decorrência de cirurgia. O Disque-Denúncia (2253-1177) oferece recompensa de R$ 1 mil por informações que levem à prisão dele.
Comunidade amanheceu cheia de pichações do tráfico: “Saudades Viny”
Comunidade amanheceu cheia de pichações do tráfico: “Saudades Viny” Foto: PMERJ / Divulgação
Não é a primeira vez que o batalhão local realiza atividades de conscientização e aproximação com os moradores. No Natal, os policiais foram até a comunidade distribuir presentes.